Kanitar Oberst: A política do salário mínimo

1010

CLIMA

Desde junho desse ano, Vilhena vem fazendo jus a sua alcunha de cidade Clima da Amazônia. Já foram mais seis frente frias nesse período, que proporcionaram várias manhãs de frio. E nessa semana vivemos mais uma frente fria, em pleno setembro, realmente o clima vem mudando.

Há quem diga é por conta da ação do homem no planeta, eu particularmente acredito que o homem atrapalha bastante, mas não ao nível afetar as propriedades da natureza. O planeta é vivo e ele se modifica dia a dia, só um exemplo é o polo norte, que não está mais tão ao norte, ano a ano ele está se movendo para o sul.

✬✬✬

POLÍTICA

Em Vilhena fria também está a atual campanha eleitoral, sem muitas reviravoltas e poucos ataques.

Mas vemos que a estratégia adotada pelo grupo Donadon continua seguindo pelo caminho das pedras. Isso vem causando uma sangria tanto em votos como financeira para a família.

Nas eleições suplementares para prefeito de Vilhena, quando Rosani foi cassada pelo TSE, havia uma grande chance da deputada Rosangela Donadon disputar a prefeitura de Vilhena, e sem qualquer entrave judicial poder caminhar nos quatro cantos de Vilhena sem questionamentos ou desconfiança. O que poderia ter refletido um outro resultado.

E ainda com tantas cabeças inteligentes no grupo, poderiam ter afastado a então prefeita Rosani 6 meses antes das eleições e liberá-la para disputar a vaga de deputada federal também com toda liberdade.

Tanto Rosangela como Rosani ainda detem um carisma muito grande, mas a estratégia política as prejudicou muito. O caso de Rosangela é delicado visto que após a eleição para prefeito em Vilhena o grupo Donadon saiu fragilizado em Vilhena e no conesul a sombra de Ezequiel Neiva (MDB) vem atormentando alguns votos garantidos que os Donadons sempre tiveram como garantidos. Além disso seu partido o PDT está coligado com o PT a nível estadual, e em sua coligação nomes de peso podem atrapalhar sua reeleição como Airton Gurgacz (PDT) e Lazinho da Fetagro (PT).

Se Rosangela fosse a nova prefeita de Vilhena e Rosani candidata a deputada federal, haveria uma vaga para disputa de deputado estadual para o grupo escolher um novo nome para ser lançado. Mas isso é “SE”. Pelo menos os gastos com advogados teriam economizado.

✬✬✬

TRÂNSITO

Em Vilhena é interessante como alguns condutores insistem em manter a falta de atenção ao dirigir. Esse com certeza é o principal motivo para as dezenas de acidentes diários que acontecem na cidade.

E a falta de um secretário, para gerenciar políticas e campanhas em prol da conscientização dos motoristas, causa maior confusão. Um exemplo é faixa elevada construída na avenida Tancredo Neves, em frente a escola Marcos Donadon. Ela não foi pintada e quem passa a noite no local leva um grande susto e essa situação se arrasta por mais de 5 semanas.

✬✬✬

SALÁRIO MÍNIMO

Outra coisa que deveriam dar uma explicação bem dada é a política de reajuste do salário mínimo. Usando índices da inflação de anos anteriores se reajusta o salário para o próximo ano. No entanto, num país que vive por conta das empresas privadas, ao se aumentar o salário mínimo, no mesmo dia, o reajuste é repassado para os produtos finais.

Por exemplo, um supermercado que hoje paga R$ 958,00 de salário, em janeiro terá que pagar R$ 1006,00 para alguns de seus funcionários. Esse aumento de R$ 48,00 em cada salário será diluído no preço da lata de nescau, no litro do leite, na cerveja e na carne vendida no supermercado. Foi a saída que os empresários encontraram para sobreviver.

E o posto de combustível também irá reajustar o preço da gasolina, a concessionária de energia também e assim vai. No final, não adiantou nada.

O que precisamos é poder economico, que com R$ 100,00 possamos realizar uma ótima compra no supermercado, com R$ 110,00 possamos completar o tanque do carro. Senão, pelas minhas contas, daqui 33 anos, vamos ter que cortar dois zeros da moeda.

 

Comentários