TIM apresenta iniciativas para conectar o agronegócio brasileiro

Operadora participa pela primeira vez da agrishow apresentando novas tecnologias e cases de sucesso; A expectativa é conectar 5 milhões de hectares com o 4G até o fim do ano

115

Hoje (29), a TIM faz sua estreia na Agrishow, feira internacional de  tecnologia agrícola que acontece em Ribeirão Preto (SP). No evento, a operadora, líder em cobertura 4G no País, participará do anúncio  da iniciativa ConectarAGRO, além de apresentar novas tecnologias  disponíveis para o mercado e expor cases de sucesso do projeto “4G  TIM no Campo”. A presença da TIM na feira ressalta o foco da operadora em inovação e o trabalho realizado no último ano, com a conquista de clientes importantes desta iniciativa, como a Adecoagro,  a SLC Agrícola e a Jalles Machado.

“A TIM vem para a Agrishow quebrar um antigo paradigma e apresentar  como é viável iluminar o campo com uma solução de conectividade  móvel robusta, aberta, escalável e global. Endereçamos assim um  problema latente do setor do agronegócio que, apesar do uso intenso  de tecnologia, carece de conectividade”, _anuncia RAFAEL MARQUEZ,

DIRETOR DE MARKETING DO SEGMENTO CORPORATIVO DA TIM BRASIL. E  complementa: “temos muito orgulho dos resultados do projeto ‘4G TIM  no Campo’ pelo feedback dos clientes, que já adotaram nossa solução  e ficamos felizes em apresentá-los para o mercado. O DNA inovador da  TIM abriu caminho para pensar no agronegócio de forma estratégica e,  por isso, investimos fortemente para oferecer uma rede robusta e  acessível que torne a indústria, riqueza do Brasil, agora também  conectada”,_ diz o executivo.

No primeiro dia do evento, às 17h, a operadora participará da  coletiva de lançamento do ConectarAGRO, iniciativa em prol da consolidação e expansão do acesso à internet nas mais diversas  regiões produtoras do país. A novidade tem como intuito promover a adoção de soluções abertas e abrangentes no campo que podem  atender à máquinas pessoas, e solucionar um dos principais  desafios que o setor enfrenta no momento: a conectividade.

Apoiadora da iniciativa, a TIM comercializará de maneira independente os serviços de conectividade e soluções de IoT. A  expectativa da operadora é conectar, até o final do ano, 5 milhões  de hectares com o 4G, contribuindo para o crescimento do agronegócio  no Brasil. O ConectarAGRO é apoiado pela operadora e as empresas  AGCO, Climate FieldView, CNH Industrial, Jacto, Nokia, Solinftec e  Trimble.

Durante a feira, a TIM apresentará em seu estande diferentes cases  do “4G TIM no Campo”, projeto que promove a digitalização de  processos por meio da conexão de dispositivos e máquinas. O espaço  trará um protótipo de torre que mostrará os equipamentos  necessários para a instalação da rede 4G na faixa de 700MHz,  permitindo maior penetração da rede no campo, ou dentro das  próprias máquinas.

Com o “4G TIM no Campo”, a operadora já cobre mais de 700 mil  hectares com a sua rede de quarta geração, viabilizando a  conectividade das fazendas e usinas de clientes como a Jalles Machado, SLC Agrícola e a Adecoagro. Outra novidade que ficará exposta será a estação meteorológica iMetos®, projetada pela Metos Brasil, que realiza medições de temperatura e umidade relativa do ar, radiação solar global, velocidade do vento e precipitação. A ferramenta será conectada à plataforma de Internet das Coisas NB-IoT (Narrow Band IoT) fornecendo em tempo real informações climáticas essenciais para a agricultura de precisão.

A expansão da rede 4G da TIM no Brasil, que hoje já atende 3.295 municípios, tem sido uma ferramenta importante para fomentar a digitalização no campo. Com apenas uma torre instalada, a operadora consegue conectar em média uma área de 35 mil hectares. A
utilização da rede na faixa 700MHz, disponível em mais de 1.500 cidades, permite que a operadora instale diversas plataformas de IoT,
como o NB-IoT.

Comentários