Com imagens de câmera de segurança, Polícia Civil chega à identidade de suspeito por duplo homicídio

5915

A Polícia Civil diz já ter identificado o suspeito do duplo homicídio que vitimou o casal Abrão Fernandes da Silva, 29 anos, e Geovana Assis Costa, 16 anos,  ocorrido esta quinta-feira (13), pela manhã, no bairro Bela Vista, em Vilhena. Segundo a polícia, o homem ainda não se apresentou na delegacia e sua identidade será mantida sob sigilo para preservar a investigação. Um mandado de prisão preventiva contra ele poderá ser solicitado à Justiça.

Uma fonte policial do Vilhena Notícias, declarou que a filmagem da câmera de segurança de um estabelecimento comercial próximo ao local do crime ajudou os investigadores a montarem uma dinâmica de como o crime aconteceu. Nas imagens, que não serão divulgadas por enquanto, é possível ver o veículo Fiat Uno usado pelo atirador.

Identificou dono do carro

Através das imagens a polícia conseguiu identificar a placa do carro usado no crime e, a partir daí, chegou à identidade do proprietário do automóvel.  Conforme a polícia, o veículo é registrado em nome de um funcionário de uma loja automotiva da cidade. O dono do carro foi localizado e declarou ter emprestado o veículo para um amigo, que segundo a polícia, é o suspeito de ter matado o casal.

Um advogado, que não teve o nome divulgado, foi até a delegacia nesta tarde e se apresentou como defensor do suspeito. Ele estaria negociando a apresentação do cliente.

A Polícia Civil deverá nos próximos dias apresentar os primeiros dados da investigação.

Comentários