Homem que deixou cadeia 90 dias atrás volta a ser preso por tráfico de drogas em Vilhena

2250
Foto – Ilustrativa

A Polícia Militar prendeu na tarde de quarta-feira (5), três pessoas suspeitas de tráfico de drogas e por posse irregular de munição para arma de fogo. A ação militar ocorreu no bairro Marcos Freire em Vilhena e um dos detidos é menor de idade.

Conforme a ocorrência policial, os militares foram chamados pela direção da Colônia Penal para irem averiguar problemas de comunicação da tornozeleira eletrônica de um apenado do regime semiaberto. No caminho, os policias abordaram um homem com comportamento suspeito e com ele foi encontrado um invólucro de substância entorpecente. Em depoimento à polícia, o suspeito Joab Putumuju Conceição, 26 anos, alegou ser usuário e levou os policiais até a casa de Marcos Antônio Dias Santos, 30 anos, vulgo “Magatron”, onde funcionária uma boca de fumo.

Diante da informação os PM’s pediram reforço policial e foram até uma casa localizada na rua Mangabeira, onde prenderam em flagrante por tráfico de drogas, Marcos Antônio, e apreenderam uma adolescente de 17 anos. Na residência a polícia encontrou 15 parangas de cocaína, uma porção de maconha e nove munições calibre 38.

A adolescente foi levada para a Unisp e depois liberada. Já Marcos Antônio e Joab Putumuju ficaram presos.

Suspeito cumpre pena

De acordo com o Tribunal de Justiça (TJ) de Rondônia, Marcos Antônio Dias Santos foi preso e condenado, em 2017, a quatro anos e dois meses de prisão por tráfico de drogas. Ele chegou a ficar preso em regime fechado no Centro de Ressocialização Cone Sul, em Vilhena, e em setembro deste ano, depois de ter cumprido um ano e oito meses de prisão ganhou benefício e passou ao regime semiaberto. Com a prisão de ontem ele deverá voltar ao regime fechado.

Comentários