Notícia publicada às 09:54:08 - 21/06/2017 e lida: 7124 vezes   
    
  
  
CASO JÉSSICA: Namorado é indiciado por homicídio e ocultação de cadáver
Primo de Ismael, Diego Parente também foi indiciado pelos crimes.

CASO JÉSSICA: Namorado é indiciado por homicídio e ocultação de cadáver
CASO JÉSSICA: Namorado é indiciado por homicídio e ocultação de cadáver
Foto: Reprodução/Facebook

Por
Aline Rayane

Os suspeitos pela morte de Jéssica Hernandes foram indiciados por homicídio qualificado e ocultação de cadáver pela delegacia da Polícia Civil de Cerejeiras, na terça-feira 20 de junho. Ismael Silva matou a namorada de 17 anos a facadas em um “teste de fidelidade” organizado junto com o primo Diego Parente, em abril deste ano. Segundo o delegado do caso Rodrigo Spiça, as investigações coincidem com o depoimento de Diego, que confessou o crime.

Após o assassinato, os dois enrolaram o corpo em uma lona e jogaram em uma estrada na zona rural de Cerejeiras. O crime foi cometido no dia do desaparecimento de Jéssica, 20 de abril, mas o corpo só foi encontrado quatro dias depois.

Ismael e Diego foram indiciados por homicídio qualificado, com quatro qualificações: motivo fútil, meio cruel, recurso que dificultou a defesa da vítima e feminicídio. Os dois estão presos desde 25 de abril. A prisão temporária, que foi renovada após 30 dias pelo mesmo período, por ser  um crime considerado hediondo, deverá ser convertida em preventiva nesta quarta-feira 21.
 

Veja também:

Feminicídio: caso de Jéssica Hernandes completa um mês

CASO JÉSSICA: Delegado diz que crime é hediondo e suspeitos devem ficar presos até conclusão do inquérito

Objetos encontrados em poço onde jovem foi executada podem ser dos suspeitos do crime

Primo confessa participação no crime de Jéssica e detalha motivos do assassinato

Suspeitos pela morte da jovem de 17 anos prestam depoimento no Fórum Criminal de Cerejeiras

Delegado realiza coletiva de imprensa e aponta três suspeitos de participação na morte de Jéssica

População de Colorado e Cerejeiras cercam delegacia para tentar linchar suspeitos de matar menina Jéssica

Boatos acerca do assassinato de Jéssica Hernandez inundam redes sociais e polícia pede cautela

CASO JÉSSICA: Polícia trabalha com possibilidade de crime passional e namorado da vítima presta depoimento

Família divulga nota de falecimento de Jéssica Hernandes; sepultamento será à tarde

Corpo de jovem desaparecida é encontrado parcialmente carbonizado em Cerejeiras

Ismael Silva e Diego Parente, suspeitos pela morte de Jéssica Hernandes.

 

FONTE: Vilhena Notícias

 

 


 


 

 COMENTÁRIOS
 

ATENÇÃO: Comentários ofensivos e que façam a apologia a crimes serão ocultados. O internauta do VILHENA NOTÍCIAS que se sentir ofendido pode requerer a ocultação do comentário. A Constituição Federal permite a publicação do livre pensamento de qualquer cidadão, desde que não seja de forma anônima, por isso, comentários provenientes de perfis "fake" ou "falsos" podem ser ocultados e bloqueados. Comente, compartilhe sua opinião, mas de forma moderada.