Assaltantes roubam produtos avaliados em quase R$ 10 mil de tabacaria no Centro

Um rapaz que se passava por cliente no momento do roubo foi detido

4435

A Polícia Civil de Vilhena investiga o roubo em uma tabacaria da avenida Nelson Tremea, área central da cidade, ocorrido na noite deste domingo (7). Na ação, dois suspeitos roubaram dezenas de mercadorias e cerca de R$ 300,00 do caixa. O prejuízo estimado é de R$ 10.000,00.

A vítima, uma mulher de 23 anos, contou que estava sozinha quando um rapaz entrou e começou a fazer perguntas sobre diversos produtos. Pouco minutos depois, dois ladrões invadiram a loja encapuzados e armados e a renderam. Um dos criminosos carregava uma sacola e passou a recolher dezenas de produtos, dos mais caros, das prateleiras. Antes de saírem, a funcionária e o suposto cliente foram trancados em um banheiro.

Logo após o assalto a Polícia Militar foi chamada e deteve, ainda na loja, um rapaz de 21 anos. A polícia acredita que ele se passou por cliente apenas para distrair a atendente e dar suporte aos ladrões.

Comportamento suspeito

No depoimento à polícia, a mulher disse que estranhou o comportamento do cliente, que se mostrou tranquilo o tempo todo e ainda dava orientações a ela de como se comportar. Uma das atitudes suspeitas foi dos próprios assaltantes, que roubaram apenas dela, o telefone celular.

A vítima contou ainda que antes de deixarem o local um dos ladrões gritou: “já fechei a grade”, com isso o cliente saiu calmamente do banheiro enquanto ela correu e pediu ajuda a um vizinho.

Com a chegada da PM e depoimento da vítima, o rapaz foi detido e conduzido para a Unisp para ser interrogado. A suspeita é que ele agiu de modo a ajudar os bandidos no assalto. Ele ainda teria impedido a vítima de pedir socorro, quando estavam trancados no banheiro.

O rapaz nega qualquer envolvimento no crime. Aos militares, ele disse que foi até a loja apenas para comprar essência para fumar com alguns amigos. Ele deverá prestar novo depoimento à Polícia Civil.

Comentários